Em formação

“Centro de reação” é o mesmo que “fotossistema”?

“Centro de reação” é o mesmo que “fotossistema”?


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Eu tenho um diagrama que rotulou uma parte do PSI (Fotossistema I) como "centro de reação". Mas li em vários sites que os centros de reação são PSI (todo o complexo, não apenas uma parte dele) e PSII.

Então, qual é o correto? E se o centro de reação for apenas uma parte desses complexos PSI e II, o que ele contém? E o que ele faz?


Os centros de reação são locais específicos dentro dos fotossistemas onde a energia do fóton adsorvida é transferida para os elétrons.


"Fotossistema" e "Centro de reação" são não sinônimos.

De acordo com Lodish (2000):

A absorção da energia luminosa e sua conversão em energia química ocorre em complexos multiproteicos, denominados fotossistemas, localizado na membrana tilacóide. Um fotossistema tem dois componentes intimamente ligados, uma antena contendo pigmentos que absorvem luz e um centro de reação que compreende um complexo de proteínas e duas moléculas de clorofila a. (ênfase minha)

E de acordo com Alberts (2002):

Complexos multiproteicos chamados fotossistemas catalisam a conversão da energia da luz capturada nas moléculas de clorofila excitadas em formas úteis. Um fotossistema consiste em dois componentes intimamente ligados: um complexo de antenas, consistindo de um grande conjunto de moléculas de pigmento que capturam a energia da luz e a alimentam para o centro de reação; e um centro de reação fotoquímica, que consiste em um complexo de proteínas e moléculas de clorofila que permitem que a energia da luz seja convertida em energia química. (ênfase minha)

Portanto, um fotossistema é composto por:

  1. O complexo da antena;
  2. O centro de reação.

Aqui está uma figura de Alberts (2002):

Figura: O complexo da antena é um coletor de energia luminosa na forma de elétrons excitados. A energia dos elétrons excitados é canalizada, por meio de uma série de transferências de energia de ressonância, para um par especial de moléculas de clorofila no centro de reação fotoquímica. O centro de reação então produz um elétron de alta energia que pode ser passado rapidamente para a cadeia de transporte de elétrons na membrana do tilacóide, por meio de uma quinona.

Assim, em conclusão, o centro de reação é parte de o fotossistema.

PS: Ambos os textos citados respondem à sua segunda pergunta ("E se o centro de reação for apenas uma parte desses complexos PSI e II, o que ele contém? E o que ele faz?").

Fontes:

  • Lodish, H. (2000). Biologia celular molecular. 4ª ed. Nova York: Worth Publ.
  • Alberts, B. (2002). Biologia molecular da célula. 4ª ed. Nova York: Garland Science.


Assista o vídeo: Zawikłany świat fizyki kwantowej (Dezembro 2022).